Home/ Press Release Institucional/ Audi investirá R$ 10 milhões em infraestrutura de recarga de veículos elétricos no Brasil
Menu

Press Release Institucional

Release - 20/02/2020

Audi investirá R$ 10 milhões em infraestrutura de recarga de veículos elétricos no Brasil


  • Serão 200 estações instaladas em parceria com a empresa ENGIE até 2022

  • Será a infraestrutura de recarga mais potente instalada por um fabricante no País

  • Primeiro elétrico da Audi, e-tron está em pré-venda no Brasil a partir de R$ 459.990,00

  • Johannes Roscheck, CEO e Presidente da Audi do Brasil, confirma a chegada do e-tron, SUV 100% elétrico, na primeira quinzena de abril



São Paulo, 20 de fevereiro de 2020 – A Audi do Brasil anunciou na quinta-feira, 20, que investirá R$ 10 milhões em infraestrutura de recarga de veículos elétricos em todo o País até 2022. Ao todo serão 200 estações instaladas em parceria com a empresa ENGIE como parte da estratégia de eletrificação da Audi.



Na ocasião, o CEO e Presidente da Audi do Brasil, Johannes Roscheck, ainda confirmou a chegada no País do Audi e-tron, SUV 100% elétrico da empresa, na primeira quinzena de abril. “Em diversas pesquisas que realizamos sobre veículos elétricos, a infraestrutura de recarga sempre aparece como um dos pontos de maior preocupação dos potenciais consumidores. Este investimento está em linha com o objetivo de aumentar as opções de carregamento para a chegada do Audi e-tron, primeiro SUV 100% elétrico da marca, que terá as primeiras entregas aos clientes na primeira quinzena de abril”, afirma o executivo.

 

O Diretor-Presidente da ENGIE Soluções, Leonardo Serpa, celebra essa parceria com a Audi. “Estamos trazendo para o Brasil toda a nossa experiência internacional em soluções de mobilidade elétrica. Possuímos o maior parque de carregadores elétricos do mundo, com 75 mil pontos de recarga na Europa e nas Américas. Sermos parceiros da Audi nesse projeto está em linha com a nossa ambição de promover o movimento de descarbonização no Brasil através de soluções energéticas e de infraestrutura”.

 

Os 200 carregadores serão do tipo AC, com 22kW, e será a infraestrutura de recarga mais potente já instalada por uma montadora no Brasil. Todos os pontos serão equipados com o plug do tipo 2 (padrão europeu) e qualquer veículo com esse mesmo tipo poderá usufruir do equipamento.

 

O objetivo é instalar os 200 pontos em shoppings, academias, hotéis, clubes e restaurantes, ou seja, localidades que o cliente frequenta pode deixar o veículo carregando enquanto realiza outra atividade. Além disso, a Audi criou também um canal para que estabelecimentos indiquem interesse em receber a instalação de um ponto de recarga. Basta enviar um email para [email protected] com as informações do seu local para participar do processo de seleção, liderado pela própria Audi do Brasil.

 

A estratégia faz parte dos objetivos globais da marca de se tornar uma empresa neutra em carbono até 2050.

 

Concessionárias e-tron

A Audi anunciou também que, até o lançamento do primeiro SUV 100% da marca no País, 14 concessionárias terão a bandeira e-tron. Cada uma delas terá representantes especializados para oferecer a melhor experiência em toda a jornada do cliente, desde um atendimento personalizado com um especialista no produto até a manutenção necessária com equipe treinada pelos profissionais que desenvolveram o produto na Alemanha. Todas as concessionárias também terão pontos de carga rápida DC de 24 kW e pelo menos um veículo e-tron para test drive.

 

Os 14 Audi Centers habilitados estão localizados em Belo Horizonte, MG, Brasília, DF, Campo Grande, MS, Curitiba (Alto da XV) e Londrina, PR, Florianópolis, SC, Porto Alegre, RS, Recife, PE, Rio de Janeiro (Botafogo), RJ, Vitória, ES, e quatro em São Paulo (Jardins, Tatuapé, Lapa e Alphaville).

 

Para Daniel Rojas, Diretor de Vendas da Audi do Brasil, “um veículo 100% elétrico possui particularidades que demandam atenção específica desde o primeiro contato até o serviço no pós-vendas. Por isso cada concessionária receberá o treinamento necessário para oferecer o melhor atendimento, além de oferecer a possibilidade de um test drive para o cliente conhecer uma tecnologia totalmente nova”.

 

Eletrizantemente divertido de dirigir: o Audi e-tron

Parado ou em movimento, o e-tron é eletrizante. O SUV elétrico livre de emissões é equipado com dois motores elétricos e realmente silenciosos. Uma nova geração da tração quattro – a tração elétrica nas quatro rodas – garante excelência em aderência e dinâmica. O sistema oferece uma regulagem contínua e variável da distribuição ideal de torque entre os dois eixos – dentro de uma fração de segundo.

 

Um fator-chave para a característica esportiva e a excelente dinâmica é a posição baixa e central na qual o sistema de baterias é instalado. Ele fornece ao veículo uma autonomia de 436 quilômetros (ciclo WLTP), ideal para o ambiente urbano e também para percorrer longos trajetos. Além disso, em estações de recarga rápida de 150 kW, é possível carregar até 80% da bateria em 30 minutos.

 

A aerodinâmica inteligentemente projetada também contribui bastante na eficiência. Um dos destaques desse conceito são os retrovisores externos virtuais – uma novidade mundial em modelos de produção em série. Eles não apenas reduzem o arrasto, mas também levam a digitalização do veículo a um nível totalmente novo. Os retrovisores externos virtuais também proporcionam melhor visualização durante a noite e imagem mais nítida com resolução em alta definição.

 

Dentre as tecnologias inseridas no Audi e-tron, freios regenerativos e suspensão a ar adaptativa são diferenciais. E com o Audi Drive Select é possível selecionar diferentes perfis de condução, incluindo o programa offroad, e receber ajustes de altura em relação ao solo durante a utilização.

 

O novo Audi e-tron é produzido na planta de Bruxelas, na Bélgica, e será ofertado no mercado brasileiro em duas versões: Performance e Performance Black. Com desembarque agendado para a primeira quinzena de abril de 2020, o modelo está em pré-venda no Brasil a partir de R$ 459.990,00 na modalidade Venda Direta.

 

No período de pré-venda os clientes que reservarem seu modelo terão acesso a um bônus de valorização do usado de até R$20.000,00 com garantia de quatro anos de fábrica para o veículo, oito anos para a bateria e quatro anos de revisão inclusos. O cliente também receberá um carregador adicional para utilização residencial.

 

Informações:

 

Departamento de Comunicação Audi do Brasil

www.audi-imprensa.com.br

 

Vinícius Romero

Telefone: +55-11-3041-2840

[email protected]

 

Rafael Fiuza

Telefone: +55 11 3041-2888

[email protected]

 

Bárbara Perrupato

Telefone: +55 11 3041-2825

[email protected]

 

Sobre a Audi

O Grupo Audi, com suas marcas Audi, Ducati e Lamborghini, é um dos fabricantes mais bem sucedidos de automóveis e motos no segmento premium. Está presente em mais de 100 mercados mundialmente e produz em 18 localidades de 13 países. Subsidiárias 100% da AUDI AG incluem Audi Sport GmbH (Neckarsulm, Alemanha), Automobili Lamborghini S.p.A. (Sant’Agata Bolognese, Itália) e Ducati Motor Holding S.p.A. (Bolonha, Itália). Em 2019, o Grupo Audi entregou aos clientes cerca de 1.846.000 veículos da marca Audi. No ano fiscal de 2018, a AUDI AG atingiu um faturamento total de 59,2 bilhões de euros e um lucro operacional antes de itens especiais de 4,7 bilhões de euros. Atualmente, cerca de 90.000 pessoas trabalham para a empresa no mundo todo, sendo mais de 60.000 na Alemanha. A Audi está focada em produtos e tecnologias sustentáveis para o futuro da mobilidade.

 

Sobre a ENGIE

O Grupo é uma referência mundial em energia e serviços de baixo carbono. Para fazer frente às mudanças climáticas, a ambição da ENGIE é se tornar líder global da transição para uma economia de carbono zero para os clientes, em particular empresas e autoridades locais.  A ENGIE se apoia nas suas atividades chave (energia renovável, gás, serviços) para oferecer soluções competitivas turnkey “as a service”. Com seus 160.000 colaboradores, clientes, parceiros e stakeholders, o Grupo é uma comunidade de Construtores Imaginativos, comprometidos a cada dia com um progresso harmonioso. Receita em 2018: 60,6 bilhões de euros. O Grupo está cotado nas bolsas de Paris e Bruxelas (ENGI) e é representado nos principais índices financeiros (CAC 40, DJ Euro Stoxx 50, Euronext 100, FTSE Eurotop 100, MSCI Europe) e índices não-financeiros (DJSI World, DJSI Europe e Euronext Vigeo Eiris - World 120, Eurozone 120, Europe 120, France 20, CAC 40 Governance). A ENGIE Brasil é a maior produtora privada de energia elétrica do Brasil, com capacidade instalada própria de 10.211MW em 61 usinas, o que representa cerca de 6% da capacidade do país. A empresa possui quase 90% de sua capacidade instalada no país proveniente de fontes renováveis e com baixas emissões de GEE, como usinas hidrelétricas, eólicas, solares e biomassa. Com a aquisição da TAG, a ENGIE é agora também detentora da mais extensa malha de transporte de gás natural do país, com 4.500 km, que atravessam 10 estados e 191 municípios. Além disso, o Grupo atua no Brasil na comercialização de energia no mercado livre e está entre as maiores empresas em geração fotovoltaica distribuída. A empresa possui ainda um portfólio completo em soluções integradas responsáveis em reduzir custos e melhorar infraestruturas para empresas e cidades, como eficiência energética, monitoramento e gerenciamento de energia, gestão de contratos de fornecimento de eletricidade, iluminação pública, sistemas de HVAC, telecomunicação, segurança e mobilidade Urbana. Contando com 2.920 colaboradores, a ENGIE teve no país em 2018 um faturamento de R$ 9.3 bilhões.