Home/ Press Release Institucional/ 85.000 horas dedicadas à proteção do clima: funcionários da Audi apoiam o Dia da Terra
Menu

Press Release Institucional

Release - 22/04/2021

85.000 horas dedicadas à proteção do clima: funcionários da Audi apoiam o Dia da Terra

 

  • Colaboradores da Audi em todo o planeta foram convidados a parar 1 hora de suas atividades para dialogar e refletir sobre as mudanças climáticas

  • Somando todas as atividades globais, 85 mil horas, o equivalente a quase dez anos, foram destinados ao debate do tema

  • Fabricante tem desenvolvido diversas atividades no Brasil, que contemplam utilização de energia solar, infraestrutura de recarga e veículos elétricos


 

São Paulo, 22 de abril de 2021 – Em comemoração ao Dia da Terra, celebrado em 22 de maio, os colaboradores da Audi no mundo todo foram convidados a participar do #Project1Hour, um workshop de equipe com duração de uma hora com o objetivo discutir mudanças climáticas e compartilhar seu compromisso individual com a proteção do clima. No total, as atividades em todas as localidades no mundo somam cerca de 85.000 horas, equivalente a quase dez anos, de diálogo sobre o compromisso com um meio ambiente mais saudável.

 

“A proteção climática surge por meio da inovação – desafiando-nos todos os dias, repensando o que já é conhecido e questionando repetidamente o status quo. Não nos concentramos apenas nas emissões de carbono, mas pensamos na sustentabilidade como um todo ao longo de toda a cadeia de valor”, afirma Markus Duesmann, Presidente do Conselho de Administração da Audi AG. “O dia de hoje diz sobre como cada um de nós pode viver de uma forma mais sustentável e amigável com o clima. Todos devem criar seu próprio caminho pessoal para diminuir suas pegadas de carbono. Nós usaremos nosso tempo para isso hoje. Acho que este é um investimento importante no futuro e estou muito animado para ver os resultados”.

 

Os colaboradores da Audi no Brasil pararam das 9h00 às 10h00 para fazer as atividades e do #Project1Hour. A empresa se dividiu em times para conversar sobre as mudanças climáticas, assistir vídeos, participar de um quiz e também pensar em como cada um pode fazer sua parte em prol do meio ambiente.

 

Sustentabilidade no Brasil

A Audi do Brasil iniciou uma ofensiva elétrica nos últimas anos que começou com a introdução do Audi e-tron, primeiro veículo 100% elétrico da marca, no mercado nacional em abril de 2020 – mais tarde, em setembro do mesmo ano, foi a vez do Audi e-tron Sportback. Para 2021 a empresa já confirmou a chegada de outros dois modelos alimentados apenas por bateria: o RS e-tron GT e o e-tron S Sportback. Com os veículos, a Audi do Brasil também tem em andamento um plano de investimento de R$ 10 milhões em infraestrutura de recarga, que inclui a instação de diversas estações de carregamento pelo País.

 

Como as ações no contexto da sustentabilidade envolvem muito mais do que produto, a Audi do Brasil também está olhando para as duas pontas da cadeia. Do lado administrativo, a empresa instalou no ano passado 264 painéis solares para que o Centro Técnico, localizado em São Paulo, passasse a utilizar energia 100% solar. Do lado das concessionárias, a primeira iniciativa se materializou com a Audi Center Santos, que também utilizar energia de fonte solar para suas atividades.

 

A empresa também é patrocinadora do Zero Summit, evento que tem o piloto e embaixador da marca Lucas Di Grassi como um dos idealizadores, cujo objetivo é debater as ações em busca da neutralidade de carbono em diversos setores, como os de mobilidade, energia, consumo, resíduos, agronegócio e inovação.

 

Campanhas diversas nas unidades da Audi

A Audi Environmental Foundation também está organizando uma campanha árdua nas unidades alemãs de Ingolstadt e Neckarsulm, na Alemanha, ao promover uma corrida diferente: os corredores deverão coletar lixo durante a prova. Os colaboradores podem se cadastrar online com antecedência e receber luvas e sacos de lixo da Audi Environmental Foundation, juntamente com regras para manter os protocolos de segurança para prevenção da disseminação do coronavírus, como manter distância, utilizar seus próprios utensílios e instruções sobre como descartar adequadamente os itens coletados. Como uma corrida conjunta não pode ocorrer, os corredores se conectam digitalmente por meio de uma videoconferência. Assim, todos começam a correr juntos no grupo virtual, trocam ideias e se motivam.

 

Outras localidades internacionais também participam do #Project1Hour. A Audi México promoverá um workshop. A Audi Bruxelas também está plantando uma área verde com espécies exclusivamente nativas nas instalações da fábrica, a fim de promover a biodiversidade. Na Audi Hungria o foco está na perda da biodiversidade global: os funcionários são convidados a participar de uma competição para construir um hotel de insetos para inaugurar o “Ano dos Insetos”. Em 2015, a AUDI AG aderiu à iniciativa “Biodiversity in Good Company” em nome de todas as localidades, uma iniciativa de empresas que defendem a proteção da diversidade biológica.

 

Compromisso sustentável faz parte do DNA da Audi

O compromisso da AUDI AG não se limita ao Dia da Terra: como parceiro e patrocinador principal do Ingolstadt State Horticultural Show (de 21 de abril a 3 de outubro de 2021), a Audi está apresentando conceitos inovadores de direção e tecnologias de carregamento no pavilhão de exposições “Coodo”. Em junho e julho, a Audi organiza palestras especializadas e workshops sobre biodiversidade e economia circular como parte da mostra de horticultura estadual.

 

No GREENTECH FESTIVAL (de 16 a 18 de junho de 2021), a empresa apresentará projetos para a utilização do plástico com economia de recursos e mostrará como o ciclo de vida dos seus produtos será sucessivamente descarbonizado. Outro foco da Audi é a sustentabilidade social: a empresa atua como “Good Corporate Citizen” ao longo do ano por meio de cooperação, patrocínio e doações, principalmente nas unidades de produção. Como parte da iniciativa “Audi Ehrensache”, a Audi apoia o trabalho voluntário de seus funcionários, por exemplo, no Dia do Voluntário nas localidades de Ingolstadt e Neckarsulm. Além disso, a empresa promove a compatibilidade entre trabalho e família, bem como trabalho e cuidados, por exemplo, como parceiros em cooperação com a Sociedade Alemã de Alzheimer.

 

Visão: descarbonização em toda a cadeia de valor

A Audi é uma das primeiras montadoras de automóveis, em conjunto com o Grupo Volkswagen, a se comprometer com o acordo climático de Paris. A longo prazo, a Audi pretende zerar as emissões de carbono em toda a empresa até 2050. Para isso, a empresa quer operar suas unidades de produção com um balanço neutro em carbono até 2025 e gradualmente descarbonizar a cadeia de abastecimento. As unidades da Audi Bruxelas e Audi Hungria já alcançaram esse objetivo. A Audi também já está progredindo na cadeia de abastecimento: só em 2020, por exemplo, mais de 335.000 toneladas de carbono foram evitadas no balanço patrimonial por meio do uso de materiais secundários e eletricidade verde, por exemplo, na produção de células de bateria.

 

A Audi planeja apresentar mais de 20 modelos totalmente elétricos até 2025 e expandir ainda mais seu portfólio de híbridos plug-in. Para isso, vai dobrar o número de modelos totalmente elétricos em sua gama em 2021. A empresa também promove tecnologias inovadoras para as chamadas aplicações de segunda vida, por exemplo, a fim de garantir que as baterias de alta tensão sejam utilizadas mesmo depois de terem atingido o fim de suas vidas nos veículos.

 

Além disso, em uma joint venture com a cidade de Ingolstadt, a empresa está renovando uma antiga refinaria para a construção do parque tecnológico IN-Campus usando processos de última geração. Com uma área de 75 hectares, este é um dos maiores projetos de renovação da Alemanha. Junto com a empresa suíça Climeworks, a Audi também está promovendo a futura tecnologia de Captura Direta de Ar (DAC): um sistema na Islândia filtrará 4.000 toneladas de CO2 do ar todos os anos e o mineralizará no subsolo. A Climeworks removerá 1.000 toneladas da atmosfera em nome da Audi.